October 22, 2018

Please reload

Posts Recentes

Meu casamento provençal

April 28, 2018

 

Casamento é um tema que sempre fascina as mulheres, - e eu também adoro escutar histórias de casamento! -, mas sempre dei preferência às celebrações mais intimistas.

Quando me casei, em Outubro de 2016, optei por realizar uma cerimônia pequena para apenas 10 pessoas, na minha própria casa, com flores frescas e buffet produzido por um chef francês. Trés chic!

 

Naquela época eu já estava estudando o estilo parisiense, já havia viajado para a França duas vezes e me encontrava em processo de reinventar a minha própria imagem, por isso meu casamento acabou recebendo forte influência das minhas pesquisas. A região da Provença, no sul da França, sempre me encantou, e eu queria trazer um pouco daquela beleza rústica e florida para minha festa de casamento. Era só uma referência, mas fez diferença na hora de preparar o pequeno evento. 

 

Hoje vou abrir meus arquivos pessoais e compartilhar com você um pouquinho do dia mais especial da minha vida!

 

 

A PREPARAÇÃO

 

Assim como os franceses, nos casamos no cartório local, rodeados pela nossa família. Não convidamos os amigos, pois nossa proposta era a de celebrar apenas ao lado dos nossos pais, irmãos, sobrinhos e cunhados. Alguns amigos e familiares ficaram um pouquinho chateados, mas essa era uma escolha nossa e acabaram nos perdoando.

 

Após o casamento demos vários jantares em casa para receber amigos e família, mas no dia da festa éramos só nós. Isso nos deu uma sensação de festa VIP privada, daquelas que a imprensa nunca fica sabendo! rs  

 

Um dia antes, fiz a tarde da noiva com uma sessão de spa caseira, que é o meu momento preferido! Banho com óleos essenciais, esfoliação, máscara natural para os cabelos, cremes e técnicas de relaxamento com música e meditação.

O passo a passo de toda a sessão está no meu livro “Monte seu spa caseiro”, onde dou todas as receitas, nomes dos produtos que uso e ensino minhas técnicas de meditação.

 

A casa também foi toda preparada com um dia de antecedência. Limpeza, organização e arrumação. Nós contratamos o chef francês, Mickael Delattre, para cuidar do almoço de casamento, e o padeiro francês, Marc Lejeune, para garantir pães de azeitona, croissants frescos, baguetes e cookies de chocolate no dia da festa. Vocês não imaginam o quanto estava bom!

 

As flores também foram compradas bem frescas, pois eu queria dar um toque provençal a casa.

 

 

 

 

 

OS TRAJES

 

Na França, diferente do Brasil e dos Estados Unidos, não existem padrinhos e madrinhas. Você não verá mulheres vestidas iguais em cima do altar como vemos nas festas daqui. Os franceses dão total liberdade aos convidados para se vestirem com liberdade e autonomia.

 

Geralmente, as noivas francesas escolhem vestidos simples que possam ser usados em outras ocasiões. Até neste momento impera a máxima de nunca comprar uma roupa para usar somente uma vez!

 

Como eu estava inspirada por Paris, achei que seria legal seguir essa dica, e decidi por comprar uma blusa de renda branca e uma saia de crepe de seda bege, simples e elegante, mas nada ousado demais. Até hoje uso meu traje de casamento em ocasiões especiais. A saia bege fica ótima com minhas blusas pretas e a peça de renda branca, fica perfeita com calça preta, azul ou cinza. Clássicos e parisiense!

 

Assim como as francesas, eu mesma preparei meu cabelo. Optei por usá-lo solto, pois meu marido adora ele assim. Adicionei apenas uma tiara com flores de strass para dar um toque de princesa ao look, conveniente para a ocasião.

 

 

 

 

Casar em casa num ambiente claro, cheio de flores, usando a louça da família e trajes mais simples, fez do nosso casamento uma experiência íntima inesquecível. Nosso maior luxo foi o de contratar um chef francês, que deu um toque elegante e internacional a nossa festa.

 

O bolo também foi escolhido a dedo, pois eu queria comer no meu casamento nosso bolo preferido: de chocolate e leite ninho da Sodiê. Nada mais simples e delicioso!

O casamento, para mim, é um dia único na nossa vida, que será lembrado para sempre. 

 

Nossa união foi celebrada com muita simplicidade e muito amor, e os laços que se formaram naquele dia estão cada vez mais fortalecidos com o passar do tempo.

 

 

 

Ver meu pai, meu irmão e meu marido conversando e rindo juntos à mesa, acompanhados de um bom whiskey escocês me fez sorrir. Ver minha sobrinha de 3 anos correndo pela casa em seu vestido branco, até hoje me emociona. Ver meu sogro, já velhinho, participar do casamento do filho foi uma cena especial.   

 

Casamento, família, bolo de chocolate, croissant e amor é tudo de bom!

 

 

 

 

Share on Facebook
Please reload

Siga
E-book gratuito!

CONHECE-TE A TI MESMO

 
Tamara Ramos Feijó
Todos os direitos reservados - 2020